Além da Superfície
< Voltar para home page

Economia

O setor de óleo e gás tem muito mais a oferecer ao Brasil

Para que seja capaz de crescer e se desenvolver, um país precisa produzir riquezas, gerar empregos e fornecer saúde e educação para seus cidadãos. O Brasil, com sua formação geológica única, possui enormes reservas de uma das matérias-primas mais valorizadas no mundo: o petróleo. Através da extração e produção desse hidrocarboneto - além do gás natural -, o setor de óleo e gás tem muito a oferecer para o país.

As recentes descobertas da área do pré-sal colocaram o Brasil no topo dos maiores produtores de óleo e gás do mundo e tem ainda mais importância que esse dado impressionante. Para o Brasil, esse enorme potencial em óleo de alta qualidade significa investimentos em pesquisa, desenvolvimento e tecnologia. Para os brasileiros, o desenvolvimento do setor de óleo e gás é sinônimo de mais investimentos em educação, saúde, desenvolvimento social e empregos.

Os números impressionam até mesmo os veteranos do setor de óleo e gás. A previsão é de que até 2030, a produção nacional ultrapasse 6,3 milhões de barris por dia e que, até 2026, o país arrecade R$728 bilhões em tributos.

Hoje, produzimos 2,6 milhões de barris de petróleo por dia, e, até 2030, seremos capazes de produzir diariamente 6,3 milhões de barris. O Brasil tem as melhores perspectivas do setor e não pode perder essa janela de oportunidade que é capaz de gerar recursos para a sociedade e tornar o país cada vez mais atrativo para investimentos.

Para saber como o setor de óleo e gás tem a contribuir com o crescimento e desenvolvimento do Brasil, assista ao vídeo acima!

Últimas novidades